Matéria da edição Nº186 - Agosto de 2006
Texto: Salvador Parisi
Falha na sonda lambda do Astra e Vectra

Esse é um defeito que existe há algum tempo e, ainda assim, muitos reparadores desconhecem sua origem e acabam tendo dificuldades no diagnóstico e na solução.
Trata-se da sonda lambda de um fio somente, aplicada nos motores dos veículos Astra e Vectra entre outros. A sonda lambda apresenta-se sem a proteção de aço em sua ponta, a qual fica em contato com os gases de escapamento e com a coloração branca (leitosa) na cerâmica .

 

Origem do problema
Este defeito é originado pela junta de vedação entre o coletor de escapamento e o tubo de escapamento. A função da junta é vedar a entrada de ar pelo tubo de escapamento. Quando a junta perde a vedação, há entrada de ar (atmosférico) pela junção do coletor e o tubo. Em seguida este "ar" passa pela sonda lambda, empobrecendo sensivelmente a composição da concentração de oxigênio nos gases. Essa mistura pobre proporciona o aumento da temperatura até a destruição da proteção de aço da ponta da sonda lambda.

 

Solução do problema
Quando esse problema é apresentado, é necessário substituir a sonda lambda, mas o problema só estará resolvido substituindo também a junta de vedação entre o coletor e o tubo de escapamento.

 

Zerar Circuito O2 – Mapa Leitura de Bloco
Após a substituição dos componentes descritos, proceda por meio do equipamento de diagnóstico o "reset" do circuito de Oxigênio (O2) da sonda lambda.

Condições necessárias
- motor funcionando em marcha lenta, temperatura operacional.
Neste sistema em que é aplicado sonda lambda com o aterramento pelo corpo da mesma, também é aconselhável verificar o aterramento elétrico do motor. O mau aterramento ocasiona deficiência de funcionamento na sonda lambda e induz sua substituição, o que é improcedente.

 

Resumo
Quando verificados valores travados referente à sonda lambda, deve-se verificar a junta de vedação e aterramento do motor. A melhoraria do aterramento entre a carroceria e o motor poderá ser feita através de um cabo extra entre a carroceria e o motor. Apresentamos abaixo os valores referente à sonda lambda, que indicam condições de funcionamento ideal.

Aplicação da sonda lambda de um só cabo é utlizada nos seguintes veículos da linha GM:Astra 1.8 e 2.0 – 1999 em diante; Blazer/ S10 2.2 EFI – 95 em diante; Vectra 2.2 – 1996 em diante; Zafira 2.0 8 válvulas – 2002 em diante; Celta 1.0; Corsa 1.0/1.4/1.6


Boa sorte e até a próxima edição.

 

Veja também

Agora já são seis alunos trabalhando
Transmissão
Transmissão automática controlada hidraulicamente - parte 8

Confira os produtos expostos por fabricantes de autopeças e motores
Competição
Força de vontade e muita determinação. Vai encarar?
Evento
São Paulo sedia a 1ª Semana Internacional de Tecnologia Automotiva

Eaton lança transmissão FSO-4505
Notícias relacionadas